• Nenhum item no carrinho

E agora adeus: Correspondência para Lêdo Ivo
E agora adeus: Correspondência para Lêdo Ivo

E agora adeus: Correspondência para Lêdo Ivo

Texto: João Cabral de Melo Neto, Murilo Mendes, Manoel Bandeira, Mário de Andrade, Clarice Lispector, José Geraldo Vieira, José Américo de Almeida, Lauro Escorel, Abgar Renault, Carlos Drummond de Andrade, Ivan Junqueira, Antonio Candido, Otto Maria Carpeaux, Ribeiro Couto, Erico Verissimo, Cassiano Ricardo, Menotti Del Picchia, Jorge Amado
Escritor: Lêdo Ivo

O livro reúne cartas remetidas por intelectuais ao escritor alagoano Ledo Ivo.

Páginas: 240
Formato: 16 x 23 cm
Idioma: Português

R$45,00

Adicionar à Lista de Desejos

Mário de Andrade

Texto

Mário de Andrade (São Paulo, 1893-Idem, 1945) foi poeta, escritor, musicólogo, historiador e crítico de arte. Um dos fundadores do modernismo, exerceu enorme influência na literatura brasileira. Autor de Pauliceia desvairada (1922) e Macunaíma (1928), entre outros livros.

Carlos Drummond de Andrade

Texto

Carlos Drummond de Andrade (Itabira, MG, 1902-Rio de Janeiro, 1987) foi poeta, contista e cronista. Estudou em Belo Horizonte, no Colégio Arnaldo, e em Nova Friburgo, no Colégio Anchieta, de jesuítas. Formado em farmácia, fundou, com Emílio Moura e outros companheiros, A Revista, para divulgar o modernismo no Brasil. Em 1925, casou-se com Dolores Dutra de Morais, com quem teve dois filhos, Carlos Flávio, que viveu apenas meia hora, (e a quem é dedicado o poema "O que viveu meia hora", presente em Poesia completa, Nova Aguilar, 2002), e Maria Julieta Drummond de Andrade. Publicou sua primeira obra poética, Alguma poesia, em 1930. Durante a maior parte da vida, Drummond foi funcionário público, embora tenha começado a escrever cedo e prosseguido até morrer, em 1987, no Rio de Janeiro, 12 dias após a morte de sua filha.